domingo, setembro 30, 2007

Tropa de Elite: Marketing viral?

Será que foi proposital a distribuição do filme “Tropa de Elite”, no mercado, antes do lançamento oficial nos cinemas? Muitas pessoas estão comentando que falta um final na história do filme.

Esta seria a prova de uma estratégia de marketing, pois a curiosidade levaria os espectadores, que assistiram ao filme pirata, a irem ao cinema para ver o filme na íntegra. “Tropa de Elite”, mesmo sem ter feito uma grande promoção publicitária, é um filme que já tem uma grande repercussão, devido ao marketing viral.

Mesmo que jamais saibamos se foi, ou não, proposital, a disponibilidade de download do filme, percebe-se que o marketing viral é um dos grandes responsáveis pelo sucesso que este alcançou.



O mais curioso é que os camelôs estão aproveitando o sucesso do filme e estão vendendo “Tropa de elite 2” que, segundo pessoas que já assistiram, nada mais é do que um documentário sobre favelas do Rio de Janeiro.

por Marcelo Yamauti

quarta-feira, setembro 26, 2007

Nova categoria de refrigerante que "gela a goela" chega ao mercado

A Antarctica resolve inovar. A empresa lançou no mercado um novo produto, ressaltando a “Brasilidade” do guaraná, expondo características fortes da Amazônia, como o guaraná e o clima tropical, por exemplo. Nos comerciais veiculados, alguns índios aparecem executando um ritual peculiar, a “dança da chuva”, mas de forma intensa e exagerada, não fazendo chover, mas nevar.
A idéia da propaganda é anunciar o toque especial que o novo produto recebe. A campanha apresenta ao público o novo Guaraná Antarctica Ice, edição especial da primeira bebida gaseificada que proporciona um efeito “cooling”, que dá um toque de frescor à garganta quando ingerido.



A agência DM9DDB, responsável pela divulgação do produto, reproduziu nos comerciais - assinados por Rodolfo Sampaio, Julio Andery, Marcelo Camargo e Marcelo Siqueira - um ambiente típico amazônico, representado por um vilarejo, onde dezenas de indígenas passam por um momento de seca, fazem o ritual da “dança da chuva”, mas é feita de forma tão intensa que, ao invés de chover, neva. Mas houve uma preocupação grande quanto à produção do comercial. Os atores são, de fato, indígenas, com exceção apenas do pajé, que não é índio Kayapó ou Mati das reservas Jaraguá, Itanhaem e Parelheiros, em São Paulo. A preocupação em ser realista quanto à parte visual do comercial não parou por aí. Segundo o diretor-geral de Atendimento da DM9DDB, Alex Isnenghi, as ocas do comercial dirigido por Cláudio Borrelli, da Killers, são construídas seguindo os preceitos das tribos amazônicas, que usam piaçava, madeira e cipó.



O Guaraná Antarctica agiu com tamanha inteligência ao lançar o produto, que remete idéia de refrescância, para o verão. De acordo com Adrianne Elias, gerente de marketing de refrigerantes e não-alcoólicos da AmBev, o consumidor anseia por novidades, e o mercado tem espaço para elas, então a novidade apresentada pela empresa, mostra que, mais uma vez, o Guaraná Antarctica destaca-se e garante sucesso quanto à busca de inovação e dinamismo.

É importante frisar que o Guaraná Antarctica teve a preocupação de não descaracterizar o sabor original do produto e sim, apenas acrescentar um toque de frescor a este, que é o diferencial desta edição limitada do produto.

O humor leve e a originalidade da campanha trazem, além do comercial para TV, peças para internet, anúncios para jornal e revista e material direcionado a merchandising para pontos de venda, incluindo ações de marketing e de relacionamento com o “trade” e com o consumidor.

Por Fernanda Varela

Campanha publicitária contra anorexia - Espanto para italianos



A propaganda usa a imagem de Isabelle Caro, uma garota francesa que sofre de anorexia há 15 anos e atualmente pesa 31 quilos. Junto ao enorme cartaz está escrito: não a anorexia. Diversos outdoors foram colocados pelas ruas das cidades,o impacto que os italianos sofreram foi bem grande .O fotografo responsável pela imagem, Oliviero Toscani, que ficou famoso por campanhas polêmicas, contou que a idéia é mostrar a realidade da anorexia, causada, em sua maioria, pelo esteriótipo imposto pelo mundo da moda. Agora, os organizadores dos desfiles em Milão anunciaram que vão exigir das agências certificados médicos para comprovar a saúde das modelos. Esta campanha foge o tradicional, dessa vez, não foram mulheres maravilhosas chamando a atenção, e sim, uma modelo anoréxica causando a polêmica.



Por Ana Paula De Marino

terça-feira, setembro 25, 2007

Será? - O poder do corpo

A cada dia que passa vemos mais e mais o uso de “corpos bonitos” na mídia. A utilização disso é uma visão de beleza estereotipada.

Trazer o belo, a perfeição, é a meta de qualquer propaganda. Mostrar ao telespectador que aquilo o levará ao ápice é de praxe, o que toda forma de anúncio comercial tenta passar.

"O uso da sexualidade e da sensualidade na propaganda não agrada ao consumidor.". É o que diz o site “MERCADO COMPETITIVO”. Realmente, existem propagandas em que o uso abusivo do corpo pode atingir de forma negativa, rebaixando o nível do comercial. Uma pessoa, ao invés de almejar aquele corpo, pode se revoltar e excluir completamente aquele produto/marca do seu consumo, da sua vida.

As ONGs, instituições que existem para cumprir metas positivistas, vêm entrando na "onda" das grandes propagandas e, cada vez mais, utiliza estereótipos para promover suas idéias ou marca.


Alguns blogs divulgaram, recentemente, que a atriz Alicia Silvertone, fez parte de um anúncio da PETA, em campanha pró vegetarianismo, onde aparece completamente nua, em poses sensuais, juntamente com a frase: "I am Alicia Silverstone, and I am vegetarian." (traduzindo, "Eu sou Alicia Silvertone, e sou vegetariana").


O anúncio da PETA não é uma tentativa de persuasão, e sim, uma imposição. A forte presença de uma grande artista,com um corpo considerado perfeito junto à lembrança marcante do seu nome e a palavra "vegetarian", bastante escancarada. Esses foram os recursos utilizados, que me fazem refletir e concluir o seguinte: Para você ser um grande artista, ter um corpo tão belo quanto o da atriz do comercial, você tem que ser vegetariano? Segundo o anúncio, sim.
(Antes de continuar, gostaria de ressaltar que não me refiro ao modo de vida vegetariano, mas tomei essa campanha como exemplo.)

É visível que a utilização de modelos já vem sido manjada nas propagandas. Afinal, por que a propaganda da DOVE foi tão bem aceita?

Ao analisar bem, é notório que a utilização de "corpos perfeitos" está virando clichê e é, hoje, muito fácil elaborar uma propaganda de qualidade sem esse recurso, considerado, para alguns, utópico e, para outros, incomodativo.


Comunicando!!!

Ressalto que tudo o que foi escrito aqui, não passa de uma opinião pessoal. Estou aberto a qualquer espécie de crítica, comentário ou discordância em relação ao assunto.



Alicia Silverstone em campanha para PETS(ONG)





Comercial da DOVE




Por Victorino Rodriguez

Um cartão de visitas bem bolado!

Parece que uma empresa de Michigan ( EUA ) achou uma maneira inteligente de criar o seu cartão de visitas. A Lush, empresa que trabalha com manutenção de terrenos e setores de jardinagem, fez uma propaganda boa e barata.

Em um pequeno envelope foram adicionadas sementes e, ao abri-lo, havia a seguinte frase: "For best results, spread seeds then add LUSH", ou seja, "Para melhores resultados, espalhe sementes e adicione LUSH”.


Comentando!

Existem várias maneiras de empresas de médio e pequeno porte divulgarem, com eficiência, a sua marca ou trabalho. Analisando essa propaganda, vemos que foi feita, desde o princípio, por uma “agência de verdade”. Acertou desde a criação à mídia.


Muito boa!




Por Victorino Rodriguez

Fonte: Brainstorm9

segunda-feira, setembro 24, 2007

Bolas e guerrilha!

Para divulgar um novo empreendimento na Zona Leste de São Paulo, a Espalhe, numa campanha para a Cyrela, utilizou bolinhas de tênis para a divulgação da promoção "Prepare seu saque".

A campanha, juntamente com a promoção, tem o simples objetivo de gerar tráfego para o empreendimento Reserva Jardim, o único da região com quadras de tênis.

A estratégia utilizada, de guerrilha simples, ao ser analisada, é interessante. Podemos ver que ela anuncia outra campanha, que é a promoção promovida (“Prepare seu saque”).

Comentando!!!

Vou tentar pôr uma coisa em pauta agora: Será que vale a pena focar tanto nas quadras de tênis, ao invés de buscar algo mais “interessante”? Pelo fato da quadra de tênis ser um diferencial, foi esse o objetivo do foco?

Particularmente, acredito que essa estratégia foi meramente simbólica. Divulgar o empreendimento e levar visitantes ao local foi, sem dúvida, o objetivo dessa excelente campanha.





O objetivo da promoção era dar uma sacada perfeita para ganhar uma TV LCD.




Por Victorino Rodriguez

Fonte: Blog de guerrilha

domingo, setembro 23, 2007

Tecnologia 3G

3G ou Terceira Geração é um termo genérico que cobre várias tecnologias para redes de telefonia sem fio do futuro, incluindo CDMA2000, UMTS (W-CDMA) e EDGE.Ela melhora a qualidade e potencializa a velocidade dos serviços multimídia, abrindo canais para a oferta de banda larga móvel com elevadas taxas de transmissão. Estava eu dando uma olhada pelos vídeos do YouTube, e me deparei com esta propaganda da 3G, por sinal muito interessante e comovente, que mostra a possibilidade de fazer ligações telefônicas com vídeos-chamadas com transmissão de áudio e imagem ao mesmo tempo real.
Boa publicidade, vale a pena conferir!

Por Paula Sales

Campanha para a vida

Finalmente resolveram fazer alguma campanha de conscientização da população de Salvador em relação à faixa de pedestres, que digamos, não é nada respeitada pelos motoristas de trânsito, será isso então culpa do governo local que não trabalha esse aspecto com os “pilotos”? Não posso falar muito, pois também estou incluído nessa categoria, e admito que este seja um ponto que acabamos levando na velha desculpa: se ninguém faz, porque eu vou fazer? E os problemas continuam sendo empurrados com a barriga.

No mais, bela iniciativa da SET-BA, que programou uma grade de atividades para a semana nacional do trânsito, que inclui, desde um seminário de educação sobre a saúde no trânsito para servidores da SET e professores da rede pública e privada até uma ação educativa que será praticada em 3 corredores da cidade entre os dias 23 e 30 de setembro para toda a população de Salvador.

Por Rafael Menezes

sábado, setembro 22, 2007

De Hollywood para o intervalo da novela!

A receita básica de um bom filme hollywoodiano é um herói, um pícaro (para um ar de descontração) e um bom suspense que prenda o expectador do inicio ao fim.
O herói com toda a sua história mítica nos remete ao nosso 'herói interior', seja homem ou mulher. Essa ponte com o imaginário e o onírico, é também muito utilizada na propaganda, onde o objetivo é despertar a vontade de consumir o que está sendo anunciado. A psicanálise explica muito bem este fato da introdução de elementos míticos que fazem o consumidor se enxergar na telinha. Um exemplo é a dona de casa feliz com o casamento, cuidando dos filhos, com a família perfeita numa propaganda de produtos alimentícios.

video

O segundo elemento é o pícaro. Aquele personagem engraçado, divertido. Quem não adora um comercial que lhe arranca boas risadas? Normalmente direcionadas ao público mais jovem, que busca mesmo essa descontração. Geralmente são propagandas se cerveja e refrigerante.

video

E o clássico suspense, que na propaganda aparece como teaser. Frases soltas, textos aparentemente sem sentido... Tudo isso desperta a curiosidade de saber o que é, do que se trata e cria uma expectativa em cima do que será anunciado depois. É, sem dúvida, uma das técnicas que mais funciona.

video

Por Lica Ornelas

Tudo que vai, volta!

Dessa vez o bom humor veio pra tentar chamar atenção das pessoa no novo vídeo da DM9DDB para a WWF-Brasil. Tentando mostras a importância dos pequenos atos, o vídeo vem sendo mostrado de uma forma diferente das demais campanhas pró meio ambiente.

Sainda generalização em que está as campanhas ambientais, a WWF-Brasil trouxe uma verdadeira lógica para a solução ou minimização desse problema.

O vídeo todo em animação, com uma trilha bem adicionada ao objetivo passado fazem desse anúncio uma maneira divertida e até mesmo indo mais além do público alvo, captando desde crianças à adultos.




Por Victorino Rodriguez

Fonte: Portal da propaganda

Uma maneira inteligente de se divulgar!

Eu e minha viagem pela net acabei me deparando com um vídeo interessante. Uma agência(Formula P - MG) se divulgando, coisa não muito rara, porém não muito comum.
O vídeo vei com a idéia da comemoração do dia do cliente ( 21 de setembro ), mas tem como ir muito além disso.
Ao meu ver a narração em inglês séria para trazer clientes de fora, ou simplismente reforçar a "Pressão" imposta no vídeo.

Tá aí, um vídeo interessante! Apresenta a equipe completa da agência, clientes e impõe a marca com respeito.

Parabéns a Formula P por esse belo vídeo.




Por Victorino Rodriguez

Fonte: Bicho de goiaba

sexta-feira, setembro 21, 2007

De olho nas propagandas locais...

Lendo o jornal de hoje (21/09/2007), me deparei com um anúncio muito interessante sobre o espaço A Tarde, um local que o grupo A Tarde criou para concentrar todos os seus serviços, e mais alguns como acesso a internet e entrega de brindes.




A cada página você encontra uma propaganda diferente, uma campanha dentro do jornal, talvez tenha sido um calhau, o que eu acho que não é o caso, já que estão colocadas da mesma forma em 4 páginas, provavelmente então tenha sido feito um estudo prévio para fazer essa campanha, usando o próprio jornal como mídia.

Por Rafael Menezes

quinta-feira, setembro 20, 2007

Zeca-hora? Brahma ainda refresca pensamentos?

Depois de uma esgotante campanha pra tentar fazer nossas paradas quarta-feiras em um dia que pudessemos tomar uma, ser um dia interessante, com a campanha do Zeca-feira, ao meu ver uma campanha deficiente e repleta de falhas. A tentativa de transformar a expressão foi sem sucesso e chegou, para muitos, ser chata. Inssitindo na mesma tecla, a Brahma agora irá chegar com a nova campanha: Zeca-hora.

A agência África vai tentar fazer a mudaça do nosso "Happy-hour" para virar "Zeca-hora", seria uma estratégia interessante, se não tivesse uma antes que não agradou muito.

Será que insistir em uma campanha não muito válida é interessante? Eu creio que há uma espectativa de sucesso para esta campanha, porém vamos continuar esperando para ver o que vai dar.

Um outro filme da campanha traz um papo de Zeca Pagodinho com o espectado, onde ele fala, que para aqueles que não sabem beber não fazem parte da Zeca-hora, e sim da "Neca-hora". Essa sim pode ser uma jogada interessante para o nome vingar.

Só sei que quando veio a campanha do Zeca-feira minhas quartas continuaram a ser quartas, será que nosso happy-hour vai virar zeca-hora?







Por Victorino Rodriguez

Fonte: Portal da Propaganda

Dança que virou "febre" no país conquista a Coca-Cola

A famosa "Dança do Siri", criada por humoristas do programa "Pânico na TV!" ganha seu espaço na Coca-Cola. A "febre" entre jovens e adolescentes, aparecerá de forma adaptada, onde a mascote da água saborizada da Coca-Cola, a Aquarius Fresh, Mariazinha, mostrará a todos a sua dança.

A Coca-Cola, numa união com a RedeTV! lança, além da nova dança, o concurso da "Dança da Mariazinha", onde os participantes que executarem a melhor performance da dança e, no local mais criativo e inusitado, terá seu vídeo exposto nos comerciais, em rede nacional e no programa "Pânico na TV!". E, caso o vídeo mandado não seja eleito como o melhor, os concorrentes ainda terão a chance de ter seus vídeos exibidos no site da campanha ( www.dancadamariazinha.com.br ).

O apoio da RedeTV! à iniciativa da Coca-Cola não limitou-se ao empréstimo da alusão à "Dança do Siri". Os criadores da dança, fizeram questão de divulgar a idéia da empresa em pleno programa, em troca de um bom cachê.

Provavelmente a "Dança da Mariazinha" não terá o poder cativante da "Dança do Siri", uma vez que deixa um pouco de lado a questão de "ser uma novidade", mas não podemos negar que, aproveitar a grande aceitação do público com esse tipo de entretenimento foi, no mínimo, uma grande "jogada".



Por Fernanda Varela

Brigas, beijos e muita criatividade para o Barbeador Wilkinson

Eu tava rodando pela internet e me deparei com esse comercial, fiquei completamente hipnotizado com a irreverência e pela criatividade. A utilização da marca é pequena, mas ao terminar o comercial automaticamente você vai lembrar dela ou vai proucurar saber quem está fazendo.

Sem dúvida um comercial excelente!

Alguem discorda?






Por Victorino Rodriguez

Fonte: Portifólio Publicitário

Estranhos efeitos de uma publicidade ruim

Primeiramente, vou deixar claro que não estou defendendo publicidades de baixa qualidade, concordo plenamente que os profissionais têm que, sempre, produzir peças que aumentem o nível do mercado, e que agreguem bons aspectos às marcas. Mas não posso deixar de concordar que uma publicidade ruim também pode ter seu lado positivo.

Pegando um exemplo clássico, as "Pizzaria Algas Marinhas", produziu um comercial que deixava muito a desejar em nível de qualidade, mas que, por ser tão bizarra, até hoje, passado algum tempo desde que foi veiculada, é comentada e citada em várias situações. Nem precisa pôr aqui o vídeo dessa veiculação, pois estou certa que a grande maioria de vocês já tem ela em mente de tão marcante que foi. Infelizmente essa pizzaria faliu, mas, talvez, nem seja pelo motivo de uma propaganda ruim (a qualidade de suas pizzas também foram questionadas), por isso sempre ficará uma dúvida sobre os resultados da propaganda.

Mas então fica o questionamento... Uma publicidade ruim chama atenção e cria uma curiosidade para conhecer o produto ou apenas agrega valores ruins para as marcas?

Naya Almeida

Um novo carro?

Um carro novo? É isso que a GM vai tentar trazer com seu novo modelo, o VECTRA GT.
Depois de uma campanha cara, porém muito bem feita, com a utilização do Energetico GT distribuido por Blitzes em festas, bares e restaurantes. A idéia do teaser causou uma verdadeira onda de curiosidade e por isso esse novo carro vem sendo muito esperado.
Para muitos fãs dos VECTRAS, o nome GT é principal, sendo o VECTRA nome secundario. Seria de uma possível idéia da GM tentar trazer um novo modelo, mas tentar se garantir pela exelência do seu modelo que é sucesso? Mas pode ser que a GM tente mostrar que vem aí um carro com energia junto com o conforto e confiabilidade que existe nos vectras!






Agora é só esperar e torcer para que esse modelo não dê tanto pepino que nem os outros modelos da GM =x


Para fãs do veículo ou curiosos aí vai um vídeo legalzinho!



Por Victorino Rodriguez

Fonte: Portal da propaganda

quarta-feira, setembro 19, 2007

Robôs cada vez mais humanos

WD-2 ("Waseda-Docomo face robot 2"). Essa é a novidade desenvolvida pela Universidade de Waseda Tóquio.

O robô WD-2 é uma máquina que possui características físicas semelhantes a de um rosto humano. Segundo Atsuo Takanishi, líder do grupo de engenheiros mecânicos, as expressões faciais do aparelho são mais humanas do que as de muitas pessoas.

A revista Robot World News, publicou um artigo, recentemente, evidenciando que o WD-2 pode ser um grande avanço em relação aos robôs pessoais, já que, futuramente, os robôs pessoais podem ter utilidade para uma infinidade de propósitos e, consequentemente, precisam ser capazes de se comunicar de uma forma mais próxima à humana.

O robô é capaz de se expressar detalhadamente, expressando felicidade, tristeza, raiva, dentre outros. WD-2 muda suas expressões utilizando 17 pontos faciais específicos, o que garante uma enorme variedade de expressões.



Por Fernanda Varela

Novidade no mundo da Coca-Cola




A Coca-Cola, mais uma vez, resolve inovar. O novo produto da vez, é o "Sprite Super Chilled", uma nova versão de um dos mais conhecidos produtos da empresa, a soda limonada Sprite. O produto contará com um novo nome e uma grande inovação nas embalagens, tendo como destaque principal, as suas garrafas, que terão um novo sistema de auto-resfriamento.

De acordo com informações dispostas no site "Tech Digest", quem adquirir o produto precisará apenas abrir a garrafa que, automaticamente, um sistema interno seja ativado, criando gelo em volta da bebida, de forma rápida e sem diluí-la. No entanto, a embalagem deve ser mantida na temperatura desejada e ideal para que a bebida seja consumida, antes de ser aberta. A novidade está prevista para chegar ao mercado no início de 2008, inicialmente no Reino Unido.


Por Fernanda Varela

terça-feira, setembro 18, 2007

Uma Publicidade Diferente


O MySpace vai trazer uma novidade para seus usuários, se trata da publicidade “personalizada”.

A nova tecnologia desenvolvida, permite que os anúncios estejam associados a informações publicadas nos perfis pessoais dos membros, a empresa de mídia News Corp, responsável pelo MySpace acredita que assim possa fazer com que seus 110 milhões de usuários usufruam ainda mais de seus serviços.

Através da noticia no “The New York Times”, um porta-voz acredita que a partir da utilização desse modelo, possa aumentar em 80% as chances de membros clicarem em anúncios. Interinamente esse sistema tem sido testado há 6 meses, sendo que a tecnologia deverá estar disponível ainda esse ano.

Por Rafael Menezes

fonte: g1.globo.com

Uma Gisele ambiental

A mais nova campanha da W/BRASIL vem junto com a moda ambiental do momento. Querendo mostrar a ligação da sandália com o meio ambiente a W/BRASIL foi ousada, fez Gisele Bündchen, nas campanhas impressas, usar um "vestido de água".
O filme da campanha já foi mais empenhado ainda, com frases diretas e objetivas sobre o consumo conciênte de água e um cenário exuberante, fazem deste fime uma peça exelente.
Com a moda ambiental indo bem todos ganham, mas o planeta acaba sendo o maior beneficiado.
"Um detalhe: toda a água utilizada na produção do filme foi reaproveitada – no final da gravação, a água serviu para a limpeza e lavagem do estúdio e também para a irrigação das plantas dos jardins."




Fonte: Portal da propaganda

Fiat Punto e sua heroína

A Fiat aposta no imaginário para promover seu novo veículo.
Criada pela agência Leo Burnett, o novo comercial da Fiat mostra claramente a vivência do mundo irreal junto com o real.


Durante o processo o filme ficou um mês na sala de pós-produção da Vetor Zero para fazer da atriz um desenho animado.

Buscando um público aparentemente jovem, o novo comercial do Fiat Punto é um mix de classe, com problemas considerados jovens e uma clara magia no ar.



Fonte: BrainStorm9